Banco de Cabo Verde suspende actividade do Novo Banco

Banco de Cabo Verde suspende actividade do Novo Banco

by -
0

O Banco de Cabo Verde (BCV) decidiu suspender a actividade do Novo Banco e transferir para a Caixa Económica de Cabo Verde os depósitos dos clientes e alguns créditos, anunciou o banco central cabo-verdiano em comunicado divulgado quarta-feira na Praia.

O BCV informou igualmente que o Novo Banco ficou proibido de conceder créditos e aplicar fundos em determinadas espécies de activos e de receber depósitos, sendo a autorização para o exercício da actividade bancária revogada “a seu tempo e quando o BCV entender”, a que se seguirá o processo de liquidação administrativa previsto na lei das instituições de crédito.

O banco central informou também que o património que não foi alienado à Caixa Económica de Cabo Verde permanece no Novo Banco, instituição sob medida de resolução, que será gerido por administradores a serem nomeados.

O Novo Banco foi autorizado a iniciar a actividade em Fevereiro de 2010, com um capital inicial de 300 milhões de escudos subscrito em 95% por accionistas públicos, tendo sido criado com o objectivo expresso de financiar a concessão de crédito a sectores de actividade específico, nomeadamente agro-negócio, indústria, turismo e pesca, procurando beneficiar os pequenos empresários.

Em Dezembro de 2012 o capital foi aumentado para 600 milhões de escudos e para 849 milhões de escudos em Maio de 2015, quando os accionistas públicos passaram a deter 97,03% do capital, mas os rácios prudenciais do banco bem como a sua situação económico-financeira foram sempre frágeis.

A acumulação de resultados negativos, o contínuo aumento das imparidades resultantes da concessão de crédito, o agravamento da situação de liquidez e as expectativas frustradas quando ao plano de reestruturação do Novo Banco levaram à decisão agora anunciada, acrescentou o Banco Central de Cabo Verde.

Fonte: Macauhub

Conversations

comments

NO COMMENTS

Leave a Reply